Você também já passou por aquela dúvida na hora de escolher entre uma loja marca branca (exclusiva) ou um marketplace? Todo empreendedor que um dia pensou em vender pela internet já deve ter passado por situação semelhante. Mas antes de falar um pouco sobre as vantagens e desvantagens sobre os dois canais de venda, vamos falar um pouco do que se trata cada canal?

Marca Branca ou, marca própria, é um termo que foi muito utilizado na década de 70, quando apareceram muitos produtos no mercado com embalagens não tão sofisticadas, e sem qualquer tipo de uma ação forte de marketing.

Já o marketplace é um negócio que surgiu no Brasil em 2012 e que ficou conhecido como Shopping center virtual. O mais forte é a Amazon, seguidos do Grupo B2W, Carrefour e Magazine Luiza. No ramo gastronômico temos o Ifood, Rappi, Uber Eats, Delivery Much, Aiqfome, entre outros.

Agora que já sabemos um pouco a diferença entre os dois canais, vamos falar um pouco sobre as vantagens e desvantagens?

Ponto de vista finaceiro

Marketplace – Por ter uma estrutura montada e um tráfego de consumidores já engajados, os lucros tendem a ser mais rápidos, isso é um fator positivo do marketplace e deve ser considerado.

Loja marca branca – Ao contrário do marketplace, as marcas brancas tem dificuldade de um lucro imediato, temos que admitir, porém, a longo prazo, com a loja já estabilizada e público engajado, os lucros podem ser maiores do marketplace, isso devido ao baixo custo de operação e melhores margens de lucro.

Ponto de vista lovemark

Marketplace – Conseguir fidelizar clientes em plataformas de marketplace não é algo tão fácil assim, uma vez que você está lado a lado com seus concorrentes e grande parte dos pedidos são definidos por preço. Ou seja, promover a marca dentro de um marketplace só se for para a empresa proprietária da plataforma.

Loja marca branca – Por ter características exclusivas, identidade visual própria e comunicação direta com o lojista, existe muito mais chance de uma fidelização e principalmente de compras recorrentes.

Do ponto de vista relacional

Marketplace – Se relacionar com os clientes dentro de uma plataforma de marketplace é praticamente impossível, isso porque quem fica com os dados do cliente geralmente é a empresa proprietária da plataforma. Com isso, ficamos limitados para enviar e-mails promocionais e outras mensagens.

Loja marca branca – Bem diferente do que o marketplace, na loja marca branca temos 100% de controle sobre o contato dos clientes! Escolhemos que tipo de dados queremos colher, que tipo de promoção vamos criar, como é o email que vamos encaminhar. Temos total autonomia para uma melhor comunicação com os clientes.

Agora que você já tem uma ideia das diferenças entre o marketplace e loja marca branca, faça um estudo antes de iniciar seu negócio online. Converse com um especialista, pesquise, tire dúvidas, ouça seus clientes, ouça seus colaboradores, planeje!

Feito isso, com certeza você estará no caminho certo do sucesso!